ACOMPANHE NAS REDES

Estilo de Vida

Viúvo de mulher grávida que morreu após parto com Covid-19 posa com filhos e emociona ao dizer: ‘vou dar o melhor de mim’

Publicado

em

O caso da jovem grávida com Covid-19 que morreu após sofrer complicações no parto causou grande emoção entre os internautas nas redes sociais. Porém, uma boa notícia alegrou os familiares e trouxe uma alegria aos familiares de Larissa Blanco. Os bebês gêmeos receberam alta hospitalar neste último domingo, 5 de julho.

Os pequenos Gustavo e Guilherme finalmente foram para casa com o pai, em Macatuba, interior de São Paulo, após ficarem internados por uma semana. Diego Rodrigues, de 24 anos, pais dos gêmeos, falou durante uma entrevista ao portal de notícias G1 que as crianças estão passando bem e conseguindo se adaptar a rotina, mas não gostam muito de trocar as fraldas.

Diego já havia falado que os seus dois anjinhos lhe dão força para conseguir continuar e tentar superar a perda da esposa que morreu tão precocemente. O pai afirmou que tem cuidado dos gêmeos com todo carinho. “Ela ficará mais orgulhosa. Vou dar o melhor de mim por eles, desabafou o viúvo.

Através do seu perfil nas redes sociais, o pai dos gêmeos fez uma postagem comovente. Ele prestou uma homenagem a mãe das crianças e fez um agradecimento por ela ter deixado dois filhos lindos. Na fotografia, Diego aparece vestido de uniforme do Palmeiras segurando os filhos no colo com um lindo sorriso.

“Esse sorriso é pra mostrar pra você que estou seguindo de cabeça erguida e que se sinta orgulhosa aí do céu. Obrigado por ser nosso anjinho da guarda”, escreveu o pai dos gêmeos na legenda da foto.

Para quem não se recorda do caso, a jovem Larissa Blanco estava com 35 semanas de gravidez quando teve os bebês em um hospital particular em Botucatu, São Paulo. As crianças tiveram os testes para Covid-19 negativos, mas precisaram ficar internados por uma semana, pois nasceram prematuros.

De acordo com a informação da prefeitura do município, a jovem grávida teve o teste positivo para o novo coronavírus no dia 12 de junho. O viúvo disse que a mulher apresentou sintomas gripais alguns dias antes, porém somente precisou de internação no dia 26 de junho. Infelizmente, Larissa teve complicações e acabou falecendo.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ACESSADOS HOJE